Passar para o Conteúdo Principal

Mirando Miranda – Exposição de pintura de Manuol Bandarra e Bastiana Angélico

Sem t tulo 2 1 980 2500
27 Junho 2016

De 10 de julho a 31 de agosto a Casa da Cultura de Miranda do Douro, recebe a exposição de pintura “Mirando Miranda” de Manuol Bandarra e Bastiana Angélico.

Estes dois artistas sendineses decidiram realizar uma exposição conjunta e mostrar alguns monumentos e paisagens do concelho mirandês em forma de arte.

Manuol Bandarra é o pseudónimo de Manuel do Nascimento Ferreira (Sendim, Miranda do Douro-1954)

Foi professor de Educação Visual no Agrupamento de Escolas de Miranda do Douro.

Já organizou várias exposições destacando as últimas: 2012 (Bragança e Sendim), 2013 (Miranda do Douro, Macedo de Cavaleiros e Cogula Trancoso), 2014 (Miranda do Douro) e as suas pinturas integram vários livros escritos em mirandês.

Ganhou duas vezes o segundo prémio do concurso de pintura: “MASCARARTE”, promovido pela Câmara Municipal de Bragança.

 

Bastiana Angélico (Feliciano nuno Bastiana Angélico), nasce a 27 de Novembro de 1971, em Melun, Seine-et-Marne (França).

Regressa a Sendim em 1981, com a sua família.

Frequenta entre 1989 e 1992, a Escola Secundária Soares dos Reis, os Cursos de Arquitetura e Design.

Obtém Bacharelato, em Educação Básica (1º CEB), na Escola Superior de Educação de Viana do Castelo no ano de 1996.

Em 1997, obtêm Licenciatura, em Educação Visual e Tecnológica, na Escola Superior de Educação de Viana do Castelo.

Em 2008 conclui pós-graduação em Ciências da Educação, especializando-se em Administração e Organização Escolar, pela Universidade Católica Portuguesa de Viseu.

Professor de Educação Visual e Tecnológica (2ºCEB), Ensino Básico (1º CEB) de Quadro de Agrupamento de Escolas de Sever do Vouga, desde 2009 até hoje.

Inicia em 2007, projeto de ilustração de marcadores de livros, (técnica mista- aguarela e tinta da china monocromática) retratando paisagens do Parque do Douro Internacional.

Em 2012, inicia um projeto inovador (investigador e ilustrador), "PELOS CAMINHOS DE PORTUGAL" em marcadores de livros/ postais /obras A4 e A5 (técnica mista- aguarela e bico de pena -  tinta da china policromática), retratando todo o património cultural, etnográfico e arquitetónico, religioso, militar, civil e paisagístico deste nosso país e ilhas.

Em 2015, inicia projeto (investigador e ilustrador), "ROMÂNICO IBÉRICO" em marcadores de livros (técnica mista- aguarela, bico de pena - tinta da china policromática).

Tem obras, que fazem parte do património artístico de instituições públicas, privadas e coleções privadas neste nosso país, Espanha, França, Reino Unido e Brasil.

Primeira exposição individual tinta-da-china sobre materiais diversos, (Optical  Art) em bares da Ribeira do Porto em Setembro de 1990.

Partilhar